notícias

31.03.2016
11 a 15 de abril – XI Seminário Internacional Espaço Livre na Cidade

Sesc São Paulo e Escola da Cidade realizam o XI Seminário Internacional Espaço Livre na Cidade, de 11 a 15 de abril

 

Unidades do Sesc Campo Limpo, Consolação e Pompeia e a Escola da Cidade recebem convidados de diversos países para refletir sobre o uso dos espaços urbanos

 

De 11 a 15 de abril, São Paulo será palco do XI Seminário Internacional Espaço Livre na Cidade. Resultado da parceria entre a Escola da Cidade e o Sesc São Paulo, o evento reúne profissionais do Chile, EUA, Dinamarca, Colômbia, Turquia e Brasil para debater experiências de ocupação de espaços urbanos disponíveis para o usufruto do tempo livre.

 

Com a proposta de identificar possibilidades concretas para a constituição de novos espaços públicos, bem como pensar as diferentes formas ou perspectivas de ver e compreender seus significados, o tema ‘Espaço Livre na Cidade’ é uma continuidade do Seminário de 2015, que trabalhou a temática ‘Tempo Livre na Cidade’ – quando foram discutidas as formas e meios de construção da apropriação deste espaço do lazer em nossas cidades – e reforça a parceria entre estas duas instituições tão atuantes na urbe de São Paulo.

 

“A motivação de ambas as instituições para entender melhor como os cidadãos vivem suas experiências do urbano é uma das razões da aproximação entre o Sesc e a Escola da Cidade na realização deste Seminário Internacional” afirma Danilo Santos de Miranda, diretor regional do Sesc em São Paulo. Miranda destaca ainda que “a parceria reafirma a importância das ações conjuntas para a geração de novas práticas e para a atualização de conceitos visando tanto a ocupação de espaços vocacionados para o lazer e para o exercício da cidadania como para incentivar a coletividade na cidade.”

 

Além de ser um ponto de ação das instituições, Campo Limpo é também o primeiro local a receber atividades do Seminário que, refletindo sobre a ocupação do espaço urbano, propõe realizar-se em diferentes locais e bairros: Sesc Campo Limpo (11/4), Sesc Consolação(12 e 13/4), Sesc Pompeia (14/4) e Escola da Cidade (15/4) – além do Centro de Pesquisa e Formação do Sesc, onde ocorreram encontros preparatórios para o evento -,  alimentando o debate junto aos convidados internacionais e nacionais sobre as particularidades do espaço livre da metrópole.

 

Entre os convidados estão Susan Chin (EUA) – Diretora Executiva do Design Trust for Public, Selva Gurdogan (Turquia) – Diretora do Studio-X Istambul, laboratório de pesquisas urbanas da Columbia University e o premiado arquiteto Felipe Uribe (Colômbia), entre outros.

 

A discussão sobre os espaços livres da cidade visa identificar as possibilidades concretas para constituição de novos espaços públicos. A noção de espaço público, onde todas as atividades são lícitas e onde nos reconhecemos como cidadãos, é diretamente relacionada à condição urbana que construímos. Existem diferentes formas ou perspectivas de ver e compreender o significado dos espaços públicos em nossas cidades e os convidados internacionais poderão ofertar esta multiplicidade de visões”, afirma Álvaro Puntoni, do Conselho Escola e Grupo Técnico da Escola da Cidade.

INSCRIÇÕES

Inscrições gratuitas pelo portal SescSP | sescsp.org.br/espacolivre

 

 

Programação

 

11/04 – Sesc Campo Limpo

Desenho do Espaço Público

Teodoro Fernández [Chile] atua em projetos educacionais e paisagísticos como faculdades, bibliotecas, ginásios e parques em Santiago. Felipe Uribe [Colômbia] mostra o desenho de equipamentos públicos de bibliotecas e parques, sobretudo em Medellín. Marina Grinover [Brasil] traz sua experiência de projetos de arquitetura e de urbanização em favelas na capital paulista.

 

12/04 – Sesc Consolação

Infraestrutura e Paisagem

Susannah Drake [EUA], fundadora da DLANDstudio, transforma infraestrutura em paisagem através de projetos urbanos que buscam unir o bom design à inteligência ecológica, em Nova Iorque, em Milão, ou na Nigéria. Regina Meyer [Brasil], com seu vasto conhecimento sobre a metrópole de São Paulo, atuante em diversos órgãos públicos e acadêmicos, faz reflexões sobre a metrópole e apresenta projetos como a reestruturação do Parque Dom Pedro, em parceria com o escritório Una Arquitetos e H+F Arquitetos. Martin Corullon [Brasil] revela os projetos de diversas escalas realizados no escritório Metro Arquitetos, alguns em colaboração com o Arquiteto Paulo Mendes da Rocha, onde edifícios transformam a paisagem e seu contexto urbano, como no Cais das Artes em Vitória (ES), a Ladeira da Barroquinha em Salvador (BA), as intervenções urbanas do Centro Aberto ou do ensaio urbano de grandes edifícios sobre a cidade de São Paulo (SP).

 

13/04 – Sesc Consolação

Estratégias sobre o Espaço Público

Charles Mckinney [EUA] demonstra sua experiência de gestão, planejamento e desenho do espaço público como atual diretor do Departamento de Parques de Nova Iorque, em projetos que tentam sintetizar questões urbanas, ecológicas, paisagísticas e comunitárias. Selva Gurdogan [Turquia] e Gregers Tang Thomsen [Dinamarca] mostram a dinâmica produção do escritório Superpool, em Istambul, com trabalhos expográficos, artísticos e urbanos em diversas escalas, com estéticas e temáticas contemporâneas e, por vezes, em parceria com escritórios de grande destaque mundial como OMA e BIG. Francisco Fanucci [Brasil] traz a importância da valorização da cultura brasileira, ao mesmo tempo tradicional e contemporânea, em objetos de várias escalas, sejam eles edifícios culturais ou mobiliários, buscando sintetizar no espaço de seus projetos, as questões das diversas comunidades envolvidas.

 

14/04 – Sesc Pompeia

Invenção do Espaço Público

Susan Chin [EUA] como diretora Executiva do Design Trust for Public Space apresenta as propostas transformadoras do grupo em Nova Iorque, como a reestruturação de uma antiga ferrovia aérea em parque linear (Highline), a implementação da agricultura urbana junto à comunidades de bairro. Philip Yang [Brasil], como fundador do Urbem, mostra as propostas de grande escala para a metrópole paulista, desenvolvida com equipes multidisciplinares como o ‘Arco Tietê’, a ‘Casa Paulista’, ou o ‘Passeio Novo’. Vinicius Andrade [Brasil] traz projetos ganhadores de concursos de forte presença no espaço urbano de seu escritório Andrade Morettin, a exemplo do Instituto Moreira Salles em construção na Avenida Paulista (SP), o Building a Sustainable World em Paranaguá (PR) ou a proposição urbana Latitude Zero em Galápagos, Equador.

 

15/04 – Escola da Cidade

Espaço Livre na Cidade de São Paulo

O convidado para o encerramento é Fernando de Mello Franco [Brasil], Secretário Municipal de Desenvolvimento Urbano, que irá expor as políticas públicas atuais voltadas para o espaço livre na Cidade de São Paulo. Terminada a exposição será promovido um debate com todos os convidados dos dias anteriores. O programa do Seminário se encerra em uma festa ao ar livre, na Rua General Jardim.

 

Serviço:

XI Seminário Internacional Espaço Livre na Cidade

De 11 a 15 de abril

Das 15h às 19h30h

Locais:

Sesc Campo Limpo

Estrada do Campo Limpo, 288

(11) 5510-2700

 

 

Sesc Consolação

Rua Dr. Vila Nova, 245

(11) 3234 – 3000

 

Sesc Pompeia

Rua Clélia, 93

(11) 3871-7700

 

Escola Da Cidade

Rua General Jardim, 65

(11) 3258-8108

 

 

 

Posters_SI2016_R06_6_menor