notícias

24.08.2015
Escola da Cidade discute a influência da História no trabalho de Vilanova Artigas

A Escola da Cidade recebe nesta quarta-feira, 26 de agosto, às 18h, o historiador Carlos Guilherme Mota, que participará da aula aberta “Vilanova Artigas e a história”, neste ano em que se comemora o centenário do arquiteto. A aula será seguida de um debate com a participação de Fábio Valentim e José Guilherme Pereira Leite, professores da Escola da Cidade. A atividade faz parte do programa do Seminário de Cultura e Realidade Contemporânea da Faculdade e acontece no Teatro Aliança Francesa (Rua General Jardim, 182). Não é necessária inscrição.

 

VILANOVA ARTIGAS

O arquiteto João Batista Vilanova Artigas nasceu em Curitiba (PR), em 23 de junho de 1915. Mudou-se para São Paulo e formou-se arquiteto na Escola Politécnica da USP, em 1937.

Fundamental para a arquitetura e o urbanismo brasileiros, prestigiado internacionalmente, Artigas tinha como base de seu trabalho a convicção de que a arquitetura tem uma função social e de que a profissão nasce do vínculo entre arte e técnica. Além disso, preocupava-se com a integração entre as construções e a cidade.

Foi fundador da Faculdade de Arquitetura e Urbanismo da Universidade de São Paulo, em 1948, na qual liderou, em 1962, um movimento de reforma de ensino que influenciou cursos de arquitetura de todo Brasil. Sua obra foi duas vezes premiada internacionalmente (Prêmio Jean Tschumi – 1972 e Prêmio Auguste Perret – 1985, este póstumo).

 

SOBRE O CONVIDADO

CARLOS GUILHERME MOTA (1941) é historiador. Professor Titular (aposentado) de História Contemporânea da FFLCH-USP, Professor Emérito da mesma Faculdade. Atualmente, é Professor Titular de História da Cultura na Faculdade de Arquitetura e Urbanismo da Universidade Presbiteriana Mackenzie, de cujo Comitê de Pesquisa já foi Presidente. Foi Diretor fundador do Instituto de Estudos Avançados da USP, do qual é Professor Honorário. Foi Professor Visitante das Universidades de Londres, Texas, Stanford e Salamanca (onde criou, com José Manuel Santos Perez, o Centro de Estudios Brasileños). Foi membro da Comissão de Avaliação do Latin American Program da Princeton University (EUA) e do Wilson Center (EUA). Foi Diretor de Estudos da École des Hautes Études (Paris, 1985). Proferiu conferências em várias universidades (Coimbra, Columbia, Sorbonne, Berlim, Stanford, Salamanca etc). Escreveu vários livros, entre eles “Ideologia da Cultura Brasilera”; “A Idéia de Revolução no Brasil e outras Idéias”; “História e Contra História”. Sua obra mais recente, “História do Brasil. Uma Interpretação” (em co-autoria com Adriana Lopez), venceu o prêmio Jabuti em Ciências Humanas, no ano de 2009;  Mota já orientou cerca de 40 doutorados e 40 mestrados. Participou de bancas examinadoras para Professor Titular na FAU-USP dos profs. Vilanova Artigas, Paulo Mendes da Rocha, Joaquim Guedes e Paulo Bruna.

 

SOBRE OS DEMAIS PARTICIPANTES

Fábio Valentim é graduado e mestre pela Faculdade de Arquitetura e Urbanismo da Universidade de São Paulo (FAU-USP – 1995 e 2003 respectivamente). É sócio do Una Arquitetos desde a sua fundação, em 1996. Professor de projeto na Escola da Cidade, desde 2003. É também coordenador da Editora da Escola da Cidade, desde 2014. Já proferiu palestras na Argentina, Chile, Uruguai, México, EUA, Inglaterra, Suíça Portugal e Uruguai, e participou de diversos workshops internacionais, como UFDU (Montevidéu, 2007), Universidade Sapienza (Roma, 2014) e Universidade Mayor (Santiago do Chile, 2014).

José Guilherme Pereira Leite é bacharel em ciências sociais e mestre em arquitetura e urbanismo pela FAU-USP. É professor da Escola da Cidade e atual coordenador do Seminário de Cultura e Realidade Contemporânea.

 

SOBRE O SEMINÁRIO

O Seminário de Cultura e Realidade Contemporânea acontece na Escola da Cidade sempre às quartas-feiras, às 18h. Trata-se de um conjunto regular de debates públicos buscando, desde a sua criação, construir um saber integrado e amplo em conexão com as questões mais candentes do presente. Por meio de tais encontros, a Escola da Cidade acredita consolidar sua presença na esfera pública nacional e participar da vida intelectual contemporânea.

 

Pensado como atividade didática regular, destinada aos alunos da Escola da Cidade, o Seminário é, no entanto, aberto a todos os interessados. A programação está disponível no site da Escola (www.escoladacidade.edu.br). Para dúvidas e outras informações, é possível entrar em contato com a coordenação do Seminário pelo e-mail seminario@escoladacidade.edu.br. Não é necessária inscrição prévia.

 

Ao longo deste semestre, o Seminário contará ainda com as presenças de Eduardo Saron, Luiz Felipe de Alencastro, Alfredo Bosi, Enrico Fontanari, Agnaldo Farias, Cauê Alves, Anália Amorim, Marta Moreira, Petra Costa, Martha Kiss, Fabrício Corsaletti, Manuel da Costa Pinto e José Guilherme Pereira Leite, professor coordenador da atividade.

 

 

Serviço

Seminário de Cultura e Realidade Contemporânea / Escola da Cidade

Artigas e a história, Carlos Guilherme Mota

  • Data: 26/08/15 (quarta-feira)
  • Horário: 18 horas
  • Local: Teatro Aliança Francesa – Rua General Jardim, 182
  • Informações: seminario@escoladacidade.edu.br / (11) 3258-8108